A Importância da Frequência Escolar Na Vida Das Crianças

Publicado em 1 de dezembro de 2015
frequencia-escolar-todo-livro

Imagem de: pixabay.com

Se você não leva seu filho na escola ou o deixa faltar por qualquer motivo, é importante saber que  a frequência escolar  está relacionada ao bom desempenho do aluno, isso independentemente do estágio que ele estiver matriculado. Têm dias em que os pequenos não se sentem dispostos à irem às aulas e acabam até fazendo manha para que os pais os deixem em casa brincando. Porém, quando isso acontece com frequência, a educação das crianças acaba ficando prejudicada!

Quanto maior a frequência, maior o aprendizado

A presença nos dias letivos garante o acompanhamento do ensino com mais facilidade pelos alunos e evita frustrações causadas por atrasos com relação aos demais colegas. Isso sem mencionar que alguns conteúdos dependem da discussão em grupo para serem fixados e muitos ensinamentos somente o professor é capaz de proporcionar.  Até mesmo os bebês e os pequenos do ensino infantil são contemplados por aprendizagem e compartilhamento de experiências em cada atividade que participam na escolinha, isso sem contar que a frequência escolar, além de trazer conhecimento, faz com que os pequenos criem laços com as crianças de sua turma e se interessem em estarem sempre na escola aprendendo em conjunto.

Cumprir a frequência é lei

A educação é um direito da criança e do adolescente assegurada pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). Ela determina que os dias letivos precisam ser cumpridos, sendo responsabilidade da instituição de ensino oferecer Educação e os alunos fazerem sua parte estando presentes.

A norma também também vale para as crianças matriculadas na pré-escola, que precisam cumprir presença mínima de 60% em sala de aula. Apesar desse controle não render penalizações para o aluno, os professores poderão tomar atitudes em caso de frequências muito baixas, convocando a família ou pedindo auxílio ao conselho tutelar caso a ausência continue.

E quando a criança não quer ir para a escola?

Apesar de no começo haver um pouco de resistência, no geral, as crianças gostam de ir à escola principalmente porque sabem que encontrarão os seus amigos. Caso seus filhos não queiram ir, o recomendado é conversar com eles para verificar se estão tendo algum problema. Vale também falar com o professor ou coordenador pedagógico. Esse apoio profissional pode ajudá-lo a resolver a situação e evitar prejuízos no aprendizado da criança.

Como as crianças tendem a seguir modelos, fazê-las faltar em dias letivos devido a compromissos marcados por você desperta neles um desinteresse com a presença constante em aulas. O recomendado é agendar programas com toda a família, como aquela viagem dos sonhos, por exemplo, durante as férias escolares e ensinar os pequenos sobre a importância de ir todos os dias à escola.

E você, tem mais alguma dica para ajudar as crianças a terem uma frequência escolar? Conte para a gente!

Comentários


  1. Katiane Dias Machado Oliveira 01/04/2017

    Gostei muito de todo conteúdo, e gostaria de receber dicas no email.